domingo, 18 de novembro de 2012

O que define um planeta como o Regente do Ano?

ATUALIZANDO:
Devido à grande procura neste blog, para saber qual Orixá irá reger o Ano de 2015
segue abaixo o link para meu outro blog, onde está a postagem sobre este tema:
Sempre tive curiosidade em saber esta resposta e hoje, procurando o que postar por aqui, lembrei-me que ainda não havia pesquisado na Internet nada sobre esta questão. 
Acabei encontrando um artigo de Vivian Colonese, que supriu não só esta, mas outras tantas curiosidades que tenho sobre a astrologia. 

Cellarius Ptolemaic System

Planeta Regente do Ano

A determinação do Regente do Ano, segundo a tradição astrológica, tem como base um ciclo de 36 anos. A cada ciclo de 36 anos é atribuída uma regência planetária (Regente do Ciclo). Dentro deste ciclo existem ciclos menores anuais, que também possuem seus respectivos regentes (Regente do Ano).
Na atribuição dessas regências, são considerados apenas os planetas antigos. Sol, Lua, Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno.

 

REGENTE DO CICLO

A Regência do Ciclo é atribuída de acordo com a seguinte ordem.

Saturno
Vênus
Júpiter
Mercúrio
Marte
Lua
Sol

Após o que, inicia-se novamente por Saturno (seguindo o desenho da estrela de 7 pontas).




Credita-se ao ano:
1 a 36 a regência de Saturno;
37 a 72, a regência de Vênus;
73 a 108, a regência de Júpiter;
109 a 144, a regência de Mercúrio;
145 a 180, a regência de Marte;
181 a 216, a regência da Lua;
217 a 252, a regência do Sol;

Nesta sequência de ciclos, começamos novamente por Saturno repetindo sucessivamente as mesmas regências na ordem indicada.
Atualmente, estamos num Ciclo que se iniciou em 1981 e vai até 2016, regido pelo Sol (ver tabela). O próximo ciclo que se inicia em 2017 e vai até 2052, será regido por Saturno, o seguinte por Vênus e assim por diante.

REGENTE DO ANO

O ano astrológico tem início, com o ingresso do Sol no signo de Áries dia 20 de Março (ou 21, dependendo da entrada do sol no signo). É neste momento que o planeta que se afirma ser o regente do ano passa a sê-lo de fato. Os dias que antecedem o dia 20 de março pertencem ainda ao regente anterior.
O primeiro ano de cada ciclo maior é governado pelo Regente do Ciclo. Em seguida cada ano tem seu próprio regente. A ordem de regência dos planetas é a mesma observada em tratados cabalísticos e textos de astrólogos medievais que consideram o “horário planetário”, numa sequência que se inicia pelo planeta mais lento e termina no mais rápido. A seqüência é a seguinte:

Saturno, Júpiter, Marte, Sol, Vênus, Mercúrio e Lua.
Em seguida, retorna a Saturno (sentido anti-horário da estrela de 7 pontas).



Exemplo: Em 1981 iniciou-se o Grande Ciclo do Sol, sendo este também o regente daquele ano. A partir daí, define-se os regentes dos anos subsequentes:
1982 Vênus,
1983 Mercúrio,
1984 Lua,
1985 Saturno,
1986 Júpiter,
1987 Marte, e novamente em
1988 o Sol, até completar o ciclo de 36 anos em 2016.

Como o próprio nome sugere,  a influência do Planeta Regente do Ciclo se estende através de todo ciclo (36 anos); enquanto a influência do Planeta Regente do Ano atua somente durante aquele ano específico. Temos então, segundo essa teoria, a influência do planeta Regente do Ano, conjugada à influência do Planeta Regente do ciclo maior de 36 anos.

Desse modo, sob a regência destes planetas, podemos encontrar as seguintes questões:

Saturno:
questões relativas às estruturas, hierarquias, responsabilidade, seriedade, perseverança, concentração, esforço, estratégia, estruturação, competência, busca da estabilidade, durabilidade, compromisso, respeito às leis, estabelecimento de limites;

Júpiter:
questões relativas à expansão, crescimento, mente superior, fé, espiritualidade, otimismo, entusiasmo, moralidade, prosperidade, educação superior, contato com outras culturas, valores morais e éticos, filosofia, aspirações, esportes, grandes negócios, leis;

Marte:
questões relativas à luta, competição, liderança, coragem, combatividade, guerras, auto-afirmação, auto-motivação, busca da identidade, conquistas, iniciativa, independência, espontaneidade, vitalidade física, força, energia masculina em geral;

Vênus:
questões relativas ao amor, afeto, sensualidade, prazer, relacionamento, bens e valores, beleza, harmonia, arte, feminino em geral;

Mercúrio:
questões relativas ao comércio, negócios, astúcia, comunicação, mente racional, destreza, racionalização, palavra escrita e falada e toda capacidade de receber ou transmitir informação, opiniões, críticas;

Lua:
questões relativas ao emocional, sentimentos, receptividade, passado, família, mulher, povo, nossa capacidade de sentir, de nos sensibilizarmos ao meio ambiente, o que alimenta tanto física como psiquicamente;

Sol:
questões relativas à inteligência, grandes lideranças, ego, auto-afirmação, vitalidade, tomada de consciência, criatividade, auto-expressão.

Na interpretação do regente do ano, devemos analisar, de que forma o Mapa do Ingresso Solar ativa o nosso Mapa Natal (ou o mapa de um país, estado, cidade, etc.).
Não basta como se pode supor, verificar somente as condições do planeta regente do ano naquele momento e sim o mapa como um todo e a superposição deste mapa com o mapa a ser analisado.
Vamos observar, por exemplo, que aspectos existem no mapa de Ingresso Solar e como eles se relacionam com o mapa em questão: são fluentes ou desafiadores? Que áreas estão sendo ativadas por este planeta em ambos os mapas. Quais os inter-relacionamentos que podem existir entre estas áreas do mapa de ingresso e o radical, etc.

Para saber o Regente do Ciclo e Regente do Ano desejado, consulte a tabela abaixo:
- Na primeira linha, em negrito, temos o ano em que se inicia o ciclo e o Regente do Ciclo
- Na coluna da esquerda veja o ano desejado, a direita o Regente do Ano.
Veja também qual era o Regente do Ciclo e o do Ano por ocasião de seu nascimento.

 A  tabela mostra 4 ciclos maiores:
Marte (1909 a 1944), Lua (1945 a 1981), Sol (1981 a 2016), Saturno (2017 a 2052), com os respectivos regentes de cada ano.

Ciclo de 
Marte
Ciclo da 
Lua
Ciclo do 
Sol
Ciclo de
 Saturno
Ano
Regente
Ano
Regente
Ano
Regente
Ano
Regente
1909
Marte
1945
Lua
1981
Sol
2017
Saturno
1910
Sol
1946
Saturno
1982
Vênus
1918
Júpiter
1911
Vênus
1947
Júpiter
1983
Mercúrio
2019
Marte
1912
Mercúrio
1948
Marte
1984
Lua
2020
Sol
1913
Lua
1949
Sol
1985
Saturno
2021
Vênus
1914
Saturno
1950
Vênus
1986
Júpiter
2022
Mercúrio
1915
Júpiter
1951
Mercúrio
1987
Marte
2023
Lua
1916
Marte
1952
Lua
1988
Sol
2024
Saturno
1917
Sol
1953
Saturno
1989
Vênus
2025
Júpiter
1918
Vênus
1954
Júpiter
1990
Mercúrio
2026
Marte
1919
Mercúrio
1955
Marte
1991
Lua
2027
Sol
1920
Lua
1956
Sol
1992
Saturno
2028
Vênus
1921
Saturno
1957
Vênus
1993
Júpiter
2029
Mercúrio
1922
Júpiter
1958
Mercúrio
1994
Marte
2030
Lua
1923
Marte
1959
Lua
1995
Sol
2031
Saturno
1924
Sol
1960
Saturno
1996
Vênus
2032
Júpiter
1925
Vênus
1961
Júpiter
1997
Mercúrio
2033
Marte
1926
Mercúrio
1961
Marte
1998
Lua
2034
Sol
1927
Lua
1963
Sol
1999
Saturno
2035
Vênus
1928
Saturno
1964
Vênus
2000
Júpiter
2036
Mercúrio
1929
Júpiter
1965
Mercúrio
2001
Marte
2037
Lua
1930
Marte
1966
Lua
2002
Sol
2038
Saturno
1931
Sol
1967
Saturno
2003
Vênus
2039
Júpiter
1932
Vênus
1968
Júpiter
2004
Mercúrio
2040
Marte
1933
Mercúrio
1969
Marte
2005
Lua
2041
Sol
1934
Lua
1970
Sol
2006
Saturno
2042
Vênus
1935
Saturno
1971
Vênus
2007
Júpiter
2043
Mercúrio
1936
Júpiter
1972
Mercúrio
2008
Marte
2044
Lua
1937
Marte
1973
Lua
2009
Sol
2045
Saturno
1938
Sol
1974
Saturno
2010
Vênus
2046
Júpiter
1939
Vênus
1975
Júpiter
2011
Mercúrio
2047
Marte
1940
Mercúrio
1976
Marte
2012
Lua
2048
Sol
1941
Lua
1977
Sol
2013
Saturno
2049
Vênus
1942
Saturno
1978
Vênus
2014
Júpiter
2050
Mercúrio
1943
Júpiter
1979
Mercúrio
2015
Marte
2051
Lua
1944
Marte
1980
Lua
2016
Sol
2052
Saturno



Fonte:www.oocities.org/viviancolonese/t_regano.html
Artigo escrito por http://viviancolonese.hd1.com.br/index_vsc.html

6 comentários:

  1. Excelente iniciativa, um ponto de pesquisa muito interessante e importante para todos que buscam conhecer-se melhor e o meio no qual vivemos, nosso planeta Terra... Obrigado!

    ResponderExcluir
  2. muito esclarecedor parabens

    ResponderExcluir

Bem vindo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Outros olhares